UFC Porto Alegre

em Foto Divulgação
UFC Porto Alegre

O primeiro evento do UFC em Porto Alegre não foi nada bom para os brasileiros. Na luta principal da noite, Antônio Pezão Silva chegou à sua quarta derrota consecutiva ao ser nocauteado pelo americano Frank Mir no duelo entre pesos-pesados. Outros seis brasileiros saíram derrotados do ginásio do Gigantinho na noite deste domingo.

Tanto Pezão quanto Mir, ambos com 35 anos, chegaram pressionados para o evento no Rio Grande do Sul: o brasileiro não vencia havia três lutas e o americano acumulava quatro derrotas. No entanto, um cruzado de esquerda certeiro de Mir, a menos de dois minutos de combate, derrubou Pezão e decidiu o confronto. A derrota deixa o paraibano em situação incômoda, pois novas derrotas podem significar sua demissão do UFC.

A noite em Porto Alegre foi péssima para os brasileiros desde o começo. O peso-médio Cezar Mutante foi o primeiro grande nome a decepcionar. Favorito para a luta, o campeão da primeira edição do TUF Brasil foi nocauteado pelo americano Sam Alvey ainda no primeiro round. Na sequência, o carioca Edson Barboza viu o sonho de conquistar o cinturão dos leves ficar mais distante ao ser derrotado pelo americano Michael Johnson por decisão unânime dos jurados (29-28, 30-27 e 30-27).

Adriano Martins foi o único brasileiro vitorioso no card principal em Porto Alegre. Ele venceu o russo Rustam Khabilov por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28). No card preliminar, Ivan Batman e Douglas D’Silva também venceram suas lutas, enquanto Tiago Trator, William Patolino e Jéssica Andrade foram derrotados.

Curtiu? Compartilhe: